North Finance - Soluções Financeiras

Vender a prazo: como superar os principais desafios dessa decisão?

Quais são os principais desafios de vender a prazo?

A decisão de vender a prazo pode trazer diversos desafios até mesmo para as médias e grandes empresas. Embora a negociação à vista seja mais vantajosa para a gestão financeira, para os consumidores, essa alternativa nem sempre é viável.

Por esse motivo, a venda a prazo se torna uma possibilidade para adquirir produtos e serviços com pagamento no futuro ou de forma parcelada. Então empresas que não oferecem a alternativa podem perder oportunidades e diferencial competitivo.

Quer saber quais são os principais desafios de vender a prazo e como superá-los? Prossiga com a leitura e evite esses problemas!

Quais são os principais desafios de vender a prazo?

A venda a prazo ajuda a facilitar o pagamento para o cliente, mas ela traz desafios para as empresas que precisam ser conhecidos. O primeiro deles é a possibilidade de inadimplência, pois o parcelamento pode interferir na organização financeira das pessoas.

Além disso, as parcelas podem se tornar mais caras com a aplicação dos juros e contribuir para o descontrole financeiro. Como consequência, os índices de inadimplência e endividamento podem aumentar.

Outro grande desafio de vender a prazo é o descontrole no fluxo de caixa. Essa dificuldade costuma ocorrer porque os clientes fazem os pagamentos aos poucos, a cada mês. Ainda, a empresa pode não receber todo o valor da venda.

Portanto, é essencial ter uma boa organização financeira para conseguir receber os montantes de forma gradativa. Sem um planejamento dos gastos enquanto os recursos não chegam, o fluxo de caixa pode ficar comprometido e o negócio tende a enfrentar dificuldades financeiras.

Como superar esses desafios?

Agora que você sabe quais são os principais desafios de vender a prazo, chegou o momento de entender como superar esses obstáculos. Com essa estratégia, a empresa pode mitigar e até evitar os problemas de gestão financeira.

Acompanhe!

Verifique a credibilidade do cliente

Uma das formas de estabelecer a confiança com o seu cliente é conhecer a credibilidade dele. Comece validando as informações pessoais, como nome, telefone, CPF, e-mail e endereço. Para tanto, solicite documentos de identificação no momento da venda, como:

  • documento com foto e assinatura;
  • CPF;
  • comprovante de endereço;
  • comprovante de renda.

Com essas informações, é possível consultar órgãos de proteção ao crédito, como o Serviço de Proteção ao Crédito (SPC) e a Serasa. Essas instituições mantêm bancos de dados com avaliações dos clientes, com base em pontos como inadimplência e score de crédito.

Os indicadores apontam quais são as chances de o consumidor pagar a dívida e ajudam a aumentar a segurança da venda a prazo.

Consulte o histórico de compras

Por meio de consultas ao SPC e Serasa, por exemplo, você pode acessar o histórico de compras dos clientes e fazer uma análise mais completa dos perfis antes da finalização da venda. Essa etapa também colabora para a redução do risco de crédito.

Ao observar o histórico de compras, a empresa entende a recorrência de pagamentos e as práticas de consumo dos clientes. Dessa forma, fica mais fácil decidir se é viável utilizar a estratégia de venda a prazo com o consumidor.

Quais são os principais desafios de vender a prazo?

Mantenha os cadastros atualizados

Outra dica importante para superar os desafios da venda a prazo é manter os cadastros dos clientes completos e atualizados. Esse cuidado evita oferecer determinados meios de pagamento para consumidores inadimplentes.

Mas caso seja necessário cobrar uma dívida, a empresa já terá acesso aos dados atuais, evitando desentendimentos. Ademais, tenha em mente que informações atualizadas não ajudam apenas nas cobranças, mas na personalização de ações de marketing e vendas, por exemplo.

Formalize a transação

Caso a venda a prazo seja realizada, vale formalizar o processo para garantir a segurança da operação e aumentar as possibilidades de a empresa recuperar o crédito diante da falta de pagamento.

Para tanto, crie contratos detalhados que determinam prazos, responsabilidades e consequências do descumprimento — como o pagamento de multas em caso de atraso e inadimplência. Dessa maneira, haverá embasamento para ações judiciais para obter o valor de volta, se necessário.

Tenha uma estratégia de cobrança

Ainda que os passos anteriores reduzam as chances de inadimplência, os clientes podem deixar de fazer os pagamentos. Para evitar esse problema e recuperar o crédito, uma boa estratégia é ter uma régua de cobrança.

Trata-se de uma ferramenta que permite definir abordagens, prazos e meios de cobrança, conforme a situação da dívida e o perfil dos clientes.

Como a North pode ajudar nesse processo?

Uma forma de manter a facilidade da venda a prazo para os clientes e, ao mesmo tempo, assegurar a saúde do fluxo de caixa da empresa, é utilizar as soluções financeiras disponíveis no mercado. Para isso, você precisará de um parceiro qualificado, como a North.

Assim, sua empresa terá acesso a soluções diversas e que permitem, até mesmo, vender a prazo e receber à vista. Entre as principais possibilidades que você encontra no mercado, está a antecipação de recebíveis e a recuperação de ativos.

Saiba mais sobre elas, a seguir!

Antecipação de recebíveis

Quando a empresa realiza uma venda parcelada, o recebimento não é imediato porque o dinheiro só entrará no caixa no dia do pagamento. Esses valores a receber no futuro são os chamados recebíveis.

Como todo negócio possui despesas que não podem ser pagas a prazo, ter os recursos disponíveis é fundamental para a companhia. Nesse sentido, a antecipação de recebíveis permite receber à vista os valores referentes às suas vendas a prazo.

Essa modalidade não envolve a contração de uma dívida e não há cobrança de juros, apenas uma taxa aplicada sobre a quantia adiantada. Como o processo prevê a cessão dos créditos, a securitizadora é quem receberá os pagamentos dos clientes.

Recuperação de ativos

Já a recuperação de ativos envolve a realização de negociações que visam obter o saldo devido pelo cliente. Essa estratégia exige conhecimento jurídico aprofundado por parte da empresa credora.

Ao seguir os limites da legislação brasileira, a gestão trabalha para recuperar os valores devidos, enquanto adota boas práticas, prevenindo ações que podem ser consideradas abusivas. Afinal, sem esse cuidado, a empresa pode sofrer penalidades judiciais.

Ao saber como superar os desafios de vender a prazo, sua empresa pode aproveitar as vantagens desse meio de pagamento. Isso permite que o negócio ganhe um diferencial competitivo sem enfrentar dificuldades financeiras.

Precisa de suporte para alavancar o crescimento dos seus negócios? Saiba como as soluções da North podem ajudar nesse processo!

Receba as últimas novidades por e-mail

Receba as últimas novidades por e-mail

A solução que sua empresa precisa está aqui! North Finance

A solução que sua empresa precisa está aqui!

Selecione um dos recursos abaixo e aumente o desempenho da sua empresa.